Coito Programado

Coito Programado

O tratamento de coito programado se trata de uma técnica de reprodução humana de baixa complexidade, onde a fertilização do óvulo ocorre no próprio organismo da paciente, sem a necessidade de ambiente cirúrgico para ser realizado.

Indicado principalmente para pacientes jovens (apesar da idade não ser uma contra-indicação ao tratamento), cujo único problema de fertilidade esteja na ovulação, o coito estimulação ovariana, para que se aumente as chances de um resultado positivo.

Em seguida será feito um acompanhamento, a cada dois ou três dias, do desenvolvimento folicular via, ultrassom transvaginal, até que se obtenha ao menos um folículo com o tamanho adequado.

Nesse momento é aplicado a medicação que estimula a ovulação e será programado um melhor momento para a prática da relação sexual.

Taxas de Sucesso

A maioria das gestações acontece nos primeiros quatro meses de tentativa de gestação.

Nos casos em que o casal não consegue obter a gravidez após três a seis meses de tratamento, é sugerido que se tente outra técnica de reprodução assistida.