Histerossalpingografia

A histerossalpingografia é um raio X realizado com contraste, que permite avaliar o trajeto percorrido pelo óvulo e pelos espermatozoides.

Avalia se este trajeto está desobstruído e se não existem malformações (defeitos na formação dos órgãos). Deve ser realizado em clínica radiológica, normalmente entre o 8º e 15º dia do ciclo menstrual.

Um contraste é injetado lentamente através de uma sonda colocada pela vagina. Esse contraste vai preenchendo a cavidade do útero, depois as tubas e sai para o interior do abdômen. Essa passagem vai dilatando os órgãos causando certo desconforto. Por isso, esse exame deve ser realizado em situações realmente necessárias, quando a mulher está buscando a gestação e não para ter uma ideia de sua fertilidade.

 

 

Histerossalpingografia

Com esse exame avalia-se também a motilidade das tubas, o que é muito importante, e possíveis aderências. As aderências ocorrem quando um órgão adere (ou gruda) ao outro, dificultando o seu funcionamento.